O que é a higiene íntima da rapariga?

É o conjunto de cuidados de limpeza da zona genital (vaginal) e área circundante.

Qual é a sua importância?

Uma boa higiene ajuda a prevenir doenças como infecções e a manter o bem-estar.

Quais as queixas mais frequentes? Sinais ou sintomas a vigiar?

As queixas que surgem com maior frequência são o corrimento vaginal e o cheiro, que fazem habitualmente parte do desenvolvimento normal da adolescente. No entanto, se o corrimento for muito intenso ou acompanhado de outras queixas como prurido, ardor ou se o cheiro for desagradável (como o cheiro a peixe), a adolescente deve ser observada.

Quando se inicia a higiene íntima?

Os bons hábitos de higiene íntima da rapariga devem ser adquiridos desde a infância para se manterem ao longo da vida.

Como fazer uma boa higiene?

Os cuidados, como lavagem genital e mudança da roupa interior, devem ser diários. A lavagem deve ser externa movendo a mão da frente para trás, não sendo a lavagem interna da vagina habitualmente recomendada.  De igual modo a limpeza deve também ser feita com movimentos da frente para trás, para evitar que bactérias do reto vão para a vagina causando infecções. 

Que produtos utilizar?

Os produtos devem ser adequados à faixa etária e sintomas, pois produtos não apropriados podem causar irritação vaginal ou desequilíbrio do pH ou da flora bacteriana normal vaginal. Por norma os produtos mais simples e não perfumados são os melhor tolerados.

O que é diferente na higiene quando a rapariga começa a ser menstruada?

A higiene não difere muito no período menstrual, no entanto, a higiene deve ser reforçada e a rapariga deve conhecer e saber utilizar os produtos de higiene, como os pensos, tampões ou copos menstruais. Estes produtos devem ser substituídos de forma regular geralmente a cada 3-4 horas.

Como podem os pais ajudar?

Os pais devem falar com as suas filhas acerca da puberdade, menstruação e utilização dos produtos de higiene e providenciarem os produtos mais adequados, ou no caso de terem dificuldade, podem procurar ajuda médica.

Outras dicas para um maior conforto e bem-estar?

Ter uma pequena bolsa com produtos de higiene como toalhetes e pensos que possam transportar consigo sobretudo no período menstrual. Usar preferencialmente roupa interior de fibra natural como o algodão, sobretudo no tempo mais quente. 

Um artigo da médica Carla Santos, pediatra no Centro da Criança e do Adolescente do Hospital CUF Descobertas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.