Um estudo da U-Multirank avaliou o desempenho das instituições de Ensino Superior através de 31 indicadores e concluiu que seis universidades portuguesas (Aveiro, Coimbra, Lisboa, Minho, Nova de Lisboa e Porto) têm nota máxima - 10 valores.

Esta é a segunda edição do estudo financiado pela União Europeia. Envolveu mais de 1200 instituições de ensino superior de 85 países. Os autores salientam que cada instituição pode apostar em áreas de especialização diferentes, pelo que não pretendem fazer um "ranking das melhores do mundo".

Segundo o Jornal de Notícias, a U-Multirank avalia o desempenho das instituições de ensino superior aderentes em 31 indicadores, agrupados em cinco grandes áreas: ensino/aprendizagem, investigação, transferência de conhecimento, orientação para internacionalização e envolvimento regional.

No global, as seis universidades nacionais salientam-se sobretudo na investigação, embora falhem na transferência de conhecimento e no ensino/aprendizagem, de acordo com a análise revelada.

Segundo os últimos dados sobre o ingresso no Ensino Superior, cerca de oito mil alunos frequentam apenas o primeiro ano de Universidade, acabando por desistir de prosseguir os estudos. As licenciaturas de Ciências Sociais, Comércio e Direito são as áreas com mais desistências.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.