De acordo com a BBC, George Spear e Jean Spear morreram, na sexta-feira, no hospital Queensway Carleton, em Ottawa, no Canadá. Jean, de 94 anos, foi hospitalizada devido a uma pneumonia e, pouco tempo depois, George, de 95, foi internado com problemas cardiovasculares.

Os funcionários do hospital tentaram colocá-los no mesmo andar, para que estivessem juntos, mas Jean Spear morreu antes que fosse possível fazê-lo.

George e Jean conheceram-se num salão de baile, perto de Londres, em 1941, quando um navio canadiano esteve atracado no Reino Unido durante a Segunda Guerra Mundial. Casaram pouco tempo depois, em agosto de 1942. Apesar de unidos pelo casamento, a britânica continuou a viver na sua terra-natal, em Kingston-upon-Thames, no Reino Unido, enquanto George combatia em Itália.

Em 1944, George Spear regressou a casa, no Canadá, e nessa altura Jean mudou-se para Ottawa. Lá fundou o primeiro clube de "noivas de guerra" do país, como ficaram conhecidas as mulheres europeias que casaram com soldados canadianos durante a Segunda Guerra Mundial. Segundo a BBC, serão mais de 50 mil.

O seu trabalho no clube de "noivas de guerra" valeu a Jean uma condecoração pela Ordem do Império Britânico, concedida pela rainha Isabel II, em 2006.

Veja ainda: 15 coisas que nos tiram anos de vida

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.