Para a mulher as principais dificuldades em amamentar decorrem da sua insegurança, dos posicionamentos desconfortáveis e da pega incorreta (pelo bebé) que pode ser responsável pela maceração e fissuras dos mamilos, situação de grande desconforto que determina, muitas vezes, o abandono da amamentação. As fissuras desaparecem, na maior parte das vezes, quando esta situação é corrigida. A aplicação de uma gota de leite no mamilo e aréola após o banho e após cada mamada e a exposição da mama ao ar facilita a cicatrização.

Até que o processo de amamentação esteja devidamente implementado pode surgir pequenas dificuldades quer da mãe quer do bebé. A hora de amamentar exige disponibilidade exclusiva, um ambiente calmo, um lugar bem iluminado e um posicionamento confortável.

Como posicionar o bebé?
É fundamental uma pega correta. A boca do bebé deve estar muito aberta, ele deve agarrar uma grande porção da aréola e não apenas o mamilo para prevenir as fissuras. A porção de aréola visível deve ser maior acima do lábio superior do que abaixo do lábio inferior. O lábio inferior está enrolado para trás. O queixo está a tocar na mama. O mamilo bem posicionado para o palato do bebé, estimula o reflexo de sucção e uma mamada satisfatória.

Texto: Manuela Ferreira, Enfermeira Especialista em Saúde Materna e Obstétrica
Edição de: Ana Margarida Marques

Siga este e outros temas sobre gravidez no Facebook A Nossa Gravidez

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.