O rapper Juelz Santana recebeu esta quarta-feira, da 19, a decisão judicial pelo crime que cometeu em março deste ano.

O músico, que tentou apanhar um avião no aeroporto internacional de Nova Iorque levando consigo droga e um arma carregada, foi condenado a dois anos e três meses de prisão, de acordo com o site TMZ.

Recorde-se que já em 2011 o dominicano tinha sido detido pela polícia por posse de “armas e substancias perigosas”.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.