No papel de comerciante, neste caso dono de uma loja/ pastelaria, Marco Costa manifestou publicamente a sua indignação perante as mais recentes medidas tomadas pelo governo português para travar a pandemia de Covid-19.

"Frustração, é o que sinto. Eu sou obrigado a fechar às 13h00, mas não há problema... há os que podem estar abertos até tarde. Muito triste é o meu país. Somos o país dos tachos", declara Marco Costa, referindo-se concoretamente ao facto de lojas e espaços de restauração terem de encerrar às 13h00 nos dois próximos fins de semana e o mesmo não se aplicar aos supermercados.

Também Ljubomir Stanisic mostrou publicamente a sua indignação. Leia Também: Ljubomir Stanisic: "A restauração que aguente. A restauração que cale"

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.