Madonna chegou a Portugal esta semana e permanece no país, pelo menos, até dia 24. No dia 27, a cantora americana já terá de estar em Londres, em Inglaterra, onde tem 15 espetáculos agendados. Ontem, a artista esteve no Coliseu dos Recreios, onde atua no próximo domingo, naquela que é a primeira de oito datas nesta emblemática sala de espetáculos da capital. Depois de uma inspeção ao recinto ao final da manhã, seguiu-se o primeiro ensaio completo à noite.

Neste regresso a Lisboa, uma cidade onde nem sempre foi feliz, como chegou a admitir publicamente, a intérprete de êxitos globais como "Like a prayer" e "Hung up" tem aproveitado para mostrar aos seguidores imagens da cidade onde viveu entre o fim de agosto de 2017 e os primeiros dias de abril de 2019, como pode ver na galeria de imagens que se segue. Nesse período, encantou-se e desencantou-se com o país, como foi desabafando nas redes sociais.

As primeiras críticas públicas foram para os procedimentos burocráticos das autoridades alfandegárias, que lhe retiveram as bagagens à chegada. Depois, à medida que se queixava da solidão, lamentava também as dificuldades em encontrar casa, numa altura em que algumas das propostas que chegou a apresentar a várias unidades hoteleiras para as arrendar foram consideradas "indecentes", como o Modern Life revelou, em exclusivo, em outubro de 2017.

No período em que viveu em Portugal, Madonna, à imagem do que sempre pautou a sua carreira, colecionou polémicas. Primeiro, foi o acordo de estacionamento privilegiado que estabeleceu com a autarquia da capital. Depois, foi a tentativa, gorada, de introduzir um cavalo no interior de um palácio oitocentista em Belas, como o Modern Life também noticiou em primeira mão, durante a gravação do vídeo promocional do single "Medellín", em abril de 2019.

Pouco depois, Madonna deixava Portugal para iniciar os trabalhos de promoção do novo disco, "Madame X", lançado em junho do ano passado. Numa primeira fase, fixou-se em Londres, mas depois rumou a Nova Iorque, nos EUA, onde decorreram os ensaios da digressão. A tournée internacional inclui um momento de fado e conta com a participação de artistas portugueses, como é o caso da Orquestra de Batukadeiras de Lisboa e ainda do guitarrista Gaspar Varela.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.