Katia Guerreiro usou a sua página do Facebook para recordar o amigo e produtor em França, José Renato, que morreu há dois anos.

"Este foi o momento mais especial que encontrei para homenagear e agradecer publicamente a este senhor toda a sua dedicação a mim. Aconteceu no palco do Olympia. O dia que ele sonhou ver realizado: ver-me brilhar sobre aquelas tábuas míticas. Disse: agora posso morrer...", começou por dizer a fadista.

De acordo com o que Katia escreveu na mesma publicação, José Renato foi músico de flamenco e "entregou-se à música nos bastidores".

Para este homem, a carreira de Katia"foi um dos seus grandes amores".

"Descobri-lhe outros talentos entretanto. Pintava, escondido na sua pequenina casa num bairro central em Paris, que construiu ele com as suas mãos. Está de partida. Será mais uma estrela nos céus a sorrir, com aquele seu ar tímido cheio de sentido de humor. Vou eu agora dizer-lhe adeus, até um dia em que riremos juntos outra vez. Quero apenas que saiba que lhe sou tão leal quanto me foi a mim todos estes anos, quero estar agora ali a seu lado. Obrigada José Renato, por tudo, pela paciência e pelo carinho gigante que me ofereceste e que me enriqueceu... Até já",acrescentou.

Recorde-se que KatiaGuerreiro é mãe de João Mário e Mafalda, ambos fruto do casamento com Jorge Faustino.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.