Jennifer Aniston admitiu recentemente que cortou relações com algumas pessoas do seu dia-a-dia por estas não quererem ser vacinadas contra a Covid-19.

"Ainda há um grande grupo de pessoas que são antivacinas ou simplesmente não ouvem os factos. É uma verdadeira vergonha", disse a atriz em entrevista à InStyle, sendo a capa da edição do mês de setembro.

"Acabei por perder algumas pessoas que fazem parte do meu dia-a-dia que se recusaram ou não revelaram [se foram vacinadas ou não] e é lamentável", acrescentou. "Sinto que é nossa obrigação moral e profissional informar, já que não estamos todos a ser testados todos os dias. É complicado porque cada um tem o direito de ter a sua opinião - mas muitas opiniões não parecem baseadas em nada exceto no medo ou propaganda", continuou.

Como destaca a People, Jennifer Aniston tem defendido as preocupações por causa da Covid-19 desde o início da pandemia.

Leia Também: Michael Jai White revela que o filho mais velho morreu de Covid-19

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.