A Netflix foi acusada de tentar prejudicar a realeza britânica depois de uma publicação feita nas redes sociais

Fontes do palácio reagiram com raiva ao 'tweet', que convidada os seguidores a verem um documentário sobre a princesa Diana, o qual - garantia a plataforma - daria a resposta a todas as perguntas que têm sido feitas quanto à série 'The Crown'.

A mesma vinha acompanhada por um vídeo que retratava Camilla Parker Bowles, atual mulher do príncipe Carlos, de uma forma particularmente negativa.

"É algo para criar o drama que nem o próprio escritor alega que é inteiramente factual", referiu a fonte em questão, notando que a Netflix tentou justificar-se através do uso de material que apenas mostra um dos lados da história.

Para além disso, considera-se que a plataforma tem vindo a dar voz aos 'haters', que aumentaram com a quarta temporada da série.

Esta semana, a Netflix recusou-se a comentar as alegações de que tinha retratado a família real de forma particularmente polémica propositadamente.

Notícias ao Minuto

[Publicação feita pela plataforma de streaming]© Twitter/Netflix

Leia Também: Amigo do príncipe Carlos diz que há um objetivo escondido em 'The Crown'

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.