As autoridades britânicas participaram num ensaio para as cerimónias e procedimentos a adotar no caso da morte da Rainha Isabel II, afirma o The Sunday Times.

Segundo a publicação, a morte da mãe do príncipe Carlos dará lugar a 10 dias de luto nacional. Contudo, o ensaio foi centrado no dia seguinte à possível morte - o chamado ‘D+1’.

A operação envolveu funcionários e assessores próximos da rainha. Sendo que esta foi a primeira vez que políticos e funcionários civis reuniram para discutir quais os planos que deveriam ser adotados.

A fonte que contou o sucedido ao jornal inglês classificou o ensaio como um evento de escala “sem precedentes” na história do Reino Unido.

É importante recordar que, muito recentemente, Isabel II faltou a um evento público devido à uma indisposição causada pela sua saúde frágil.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.