A crer nas suas próprias palavras, a relações públicas Alexandra Fernandes está a passar um mau bocado: recebeu ameaças de morte, vandalizaram-lhe o carro, tentaram arrombar-lhe a casa e ainda está a ser acusada de não pagar a renda…

Numa entrevista ao “Correio da Manhã”, Alexandra conta que alguém anda a persegui-la: “O que se passa – diz ela – é que há uns meses que estou a ser ameaçada de morte. Puseram-me decapante no carro, furaram-me os quatro pneus e deixaram uma mensagem na caixa do correio a ameaçar-me a mim e à minha filha.”

Tal mensagem, já entregue às autoridades, dizia o seguinte: “Olá, querida. Onde guardas o nosso popó? Não me quiseste, mas ainda hás-de ser minha. Havemos de ser felizes os três, na terra ou no céu…”

Sentindo-se insegura, a relações públicas mudou-se com a sua bebé Carolina, de 15 meses, para casa de sua mãe, mas também ali não encontra sossego – agora por outros motivos.

A proprietária do apartamento acusa a mãe de Alexandra, Lucília Silva, de não estar a pagar as rendas e quer despejá-la.

Alexandra Fernandes não tem nenhuma relação sentimental conhecida desde que, no Verão passado, se separou de Tiago Guerreiro, pai de sua filha.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.