Esta semana duas das figuras mais comentadas a nível internacional foram o príncipe Harry e Meghan Markle. Em causa está o comunicado feito pelos duques de Sussex no qual estes revelavam que pretendiam deixar de ser membros sénior da realeza e tornarem-se independentes a nível financeiro.

No entanto, há uma questão que se coloca: Harry e Meghan Markle abdicaram efetivamente dos seus títulos de duques de Sussex?

Segundo a comentadora real Kristen Meinzer, o anúncio do casal não se revelou tão dramático como parece à primeira vista.

A mesma garante que a resposta à pergunta é não, uma vez que no comunicado não foi dito que Harry e Meghan iriam abdicar da família ou dos seus deveres reais. Ou seja, estes continuarão a ser tratados com os títulos mesmo com o afastamento e adaptação progressista referida.

Em declarações à Newsweek, Meinzer disse: "Neste momento, eles parecem querer continuar a 'honrar os seus deveres com a rainha, a Commonwealth e os patronatos', o que me leva a crer que não iriam abdicar dos títulos agora".

Esta refere ainda o facto do casal, deliberadamente, ter optado por não dar nenhum título ao filho Archie Mountbatten-Windsor, de forma a que tivesse uma vida o mais normal possível.

Consta ainda que Harry e Meghan estejam a construir um projeto próprio baseado na sua posição real pelo que a renúncia aos títulos revela-se, uma vez mais, pouco provável. Para além disso, vale a pena realçar que os dois assinaram o comunicado como "duque e duquesa de Sussex".

Ainda assim, tudo continua em aberto pois a casa real está neste momento em negociações.

Leia Também: Comunicado: Rainha Isabel II reage a abdicação de Harry e Meghan Markle

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.