Existe uma técnica feita através de um sistema de estimulação cerebral profunda, que resulta numa melhoria da qualidade de vida dos doentes de Parkinson, reduzindo cerca de 70% dos sintomas da doença, uma patologia crónica que afeta a vida de mais de 20.000 portugueses. Designada Activa DBS, esta técnica tem vindo a ser utilizada em muitos hospitais um pouco por todo o mundo. Basta responder a quatro perguntas para saber se pode recorrer a ela para condicionar o desenvolvimento da doença.

 

Embora tenha sido elaborado e revisto por especialistas, este teste tem um carácter meramente lúdico, não substituindo qualquer diagnóstico médico.