VARMBLIXT é o nome da mais recente colaboração da IKEA que, esta temporada, se aliou a Sabine Marcelis. Naquela que é a sua segunda colaboração com a gigante sueca da decoração, esta foi desafiada a criar uma linha de produtos de edição limitada em torno daquele que é um dos elementos fundamentais em qualquer casa: a iluminação.

“A luz é o herói desta coleção”, referiu a designer neerlandesa-neozelandesa durante o evento oficial de apresentação desta coleção que tem um objetivo muito específico: realçar a importância da iluminação e de que forma é que esta pode alterar o estilo e o ambiente da nossa casa. “Foi um desafio interessante para mim ao trabalhar com a luz em diferentes categorias.”

Ao todo são 20 os produtos minimalistas e intemporais que compõem a VARMBLIXT e que têm como ponto central os candeeiros que, nas palavras da designer, são “uma forma de trazer aconchego para dentro de casa”. Aqui é possível encontrar opções suspensas, de parede ou multifunções. Um desses exemplos é o Candeeiro LED que tanto pode ser pendurado na parede como colocado em cima de uma mesa. Outra das suas particularidades é o formato circular – muito presente nesta coleção - que se assemelha a um donut. “É uma forma bonita, sem começo nem fim. Com esta forma podemos salientar diferentes qualidades de diferentes materiais”, explica a designer sobre este que é um dos formatos mais emblemáticos do seu trabalho.

IKEA VARMBLIXT
créditos: IKEA

Para além da iluminação direta, a luz também está presente nesta coleção de forma indireta e através de reflexos, como é o caso das taças de servir em vidro pintado, prateleiras de vidro ou taças de champanhe (7€), sendo que esta última foi uma categoria de interior para a qual nunca tinha criado antes. Esta linha também inclui outros acessórios para a casa, destacando-se um tapete de lã tufada cuja cor vai variando consoante a altura do dia e a intensidade da exposição solar que incidir sobre si. De acordo com Sabine, durante o processo criativo algo que nunca lhe faltou foi inspiração, sendo que 95% das ideias apresentadas, após conquistarem a equipa IKEA, saltaram diretamente para as lojas. “Estou muito orgulhosa do resultado final”, adianta sobre este projeto que começou a ganhar forma em fevereiro de 2021.

Habituada a trabalhar com materiais que não se encaixavam numa produção em massa deste tipo, a criativa refere que dois dos seus grandes desafios foram a escolha dos materiais – que variam entre o vidro e o metal - assim como a criação de peças a um preço acessível, um dos cinco princípios do ‘design democrático’ da IKEA. Um abre-garrafas e guardanapos de papel (1,50€/30 uds) foram a solução encontrada e que, apesar da sua simplicidade, para si “ainda parecem objetos de qualidade e muito acessíveis.”

IKEA VARMBLIXT
créditos: IKEA

De forma a que todas as peças pudessem ser incluídas em qualquer ambiente e estética, Sabine Marcelis decidiu apostar numa paleta de cores neutras, onde o branco é o grande protagonista, com alguns apontamentos de cores quentes, onde se destacam o âmbar, o laranja, o amarelo e o verde menta.

Uma vez que no mundo da decoração não há regras, a simplicidade da coleção VARMBLIXT permite que os clientes possam dar asas à sua imaginação e sejam criativos com as suas escolhas. Questionada sobre a parte mais gratificante da criação desta coleção, a resposta é direta: “Poder ver de que forma é que os clientes vão incorporar estes objetos nas suas casas.”

Toda a coleção VARMBLIX, à exceção de cinco artigos de iluminação que serão adicionados à gama a longo prazo, é de edição limitada. Tirando duas mesas de centro, todas as peças vão estar à venda em Portugal a partir do dia 17 de janeiro.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.