A nova unidade de saúde de Vialonga (USF) irá funcionar num edifício já existente, onde funcionou um ninho de empresas, que receberá obras de adaptação.

10 truques médicos para se livrar dos dentes amarelos
10 truques médicos para se livrar dos dentes amarelos
Ver artigo

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira (distrito de Lisboa), Alberto Mesquita (PS), explicou que o atual centro de saúde funciona num prédio de habitação “pouco acolhedor e de difícil acesso aos transportes públicos”.

“O novo edifício terá bons acessos para automóveis e transportes públicos, condições de salubridade e uma entrada principal desafogada e com elevadores”, apontou o autarca.

Alberto Mesquita explicou que ainda não existe uma previsão de custos, uma vez que ainda se encontra em fase de projeto, mas adiantou que o investimento irá ser feito, numa primeira fase, pela autarquia, sendo posteriormente ressarcido pela Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), através de um contrato de arrendamento.

No entanto, Alberto Mesquita perspetivou que as obras possam iniciar-se no início de 2019, tendo um prazo de execução de cerca de seis meses.

A USF de Vialonga serve perto de 20 mil utentes.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.