O sonho dos que vivem para comer mas, ainda assim, passam a vida a reclamar dos números que habitualmente surgem no mostrador da balança pode estar prestes a realizar-se. Um grupo de investigadores da University of Texas Medical Branch, nos EUA, conseguiu desenvolver um fármaco que, nos testes em laboratório, fez com que os ratos em análise perdessem peso sem nunca deixar de ingerir a mesma quantidade de comida.

O novo medicamento, que funciona como uma espécie de travão, bloqueia uma proteína presente nas células gordas do organismo. Ao fazê-lo, aumenta o metabolismo, acelerando a queima de gordura. Para o testar, os cientistas alimentaram fortemente um grupo de roedores até ao ponto de os tornar obesos. Depois, dividiram-nos em dois grupos. A um foi administrado o fármaco e ao outro um placebo.

10 dias depois, os ratos que tinham ingerido o medicamento tinham perdido 7% do peso e diminuído a sua percentagem de gordura e de células gordas em 30%. Os níveis de colesterol desta parte da amostra também tinham regressado aos normais. Em contrapartida, os restantes roedores continuam a ganhar peso. Um artigo sobre a experiência foi recentemente publicado nas páginas do jornal Biochemical Pharmacology.

Texto: Luis Batista Gonçalves

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.