Segundo um currículo disponível na rede social Linkedin, Margarida Sizenando Cunha possui mais de 20 anos de experiência em gestão da saúde, em instituições públicas e privadas, tendo sido diretora de serviço no Rovisco Pais, aquando da instalação e abertura do Centro de Medicina e de Reabilitação da Região Centro, localizado na povoação da Tocha, município de Cantanhede.

A hipertensão mata. Conheça os 8 fatores de risco desta doença
A hipertensão mata. Conheça os 8 fatores de risco desta doença
Ver artigo

De acordo com a mesma informação, a médica esteve ainda na comissão de instalação do Centro de Reabilitação do Norte e foi diretora clínica e integrou o conselho de administração do Centro de Medicina e Reabilitação do Sul, uma unidade de saúde cuja gestão começou por ser uma parceria público-privada e, terminada esta, foi integrada no Centro Hospitalar Universitário do Algarve.

Em comunicado do Conselho de Ministros divulgado hoje, o Governo nomeia ainda para o conselho de administração do Rovisco Pais os vogais executivos Luís Filipe Picoa Pratas e António João Teixeira Paredes.

Luís Pratas é enfermeiro especialista em reabilitação e pertence aos quadros do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC).

Já António João Paredes, quadro do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras e ex-presidente da concelhia do PS da Figueira da Foz, exerceu diversos cargos públicos na última década.

Foi diretor regional de Coimbra do Instituto Português da Juventude e, em 2009, nomeado adjunto do secretário de Estado da Saúde, funções que exerceu durante cerca de um ano. Em 2010 foi nomeado vogal executivo do conselho de administração do hospital de Ovar, tendo em 2013 assumido funções como chefe de gabinete na autarquia de Vila Nova de Poiares, no primeiro mandato do atual presidente, João Miguel Henriques.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.