Às 23:59 de terça-feira, estavam internados em enfermaria 534 pessoas, menos 108 do que no domingo, e 105 internados em unidades de cuidados intensivos, menos 14.

Segundo a ARSC, as taxas de ocupação em enfermaria e unidades de cuidados intensivos para doentes covid-19 são agora de 53% e 61%, respetivamente.

Relativamente a domingo, regista-se uma quebra acentuada nos internamentos em enfermaria, que baixaram de 61% para 53%.

Já o número de internamentos nos cuidados intensivos desce a um ritmo mais lento, tendo passado de 67% no domingo para 61% na terça-feira.

Aquele organismo de gestão descentralizada do Ministério da Saúde adiantou ainda que foram emitidas 53 altas médicas e registados seis óbitos em ambiente hospitalar.

Nas unidades do setor social, privado, militar e estruturas de apoio de retaguarda estavam na terça-feira 32 doentes com covid-19 e 65 com outras patologias.

A ARSC dá ainda conta que foi desativado a Estrutura de Apoio de Retaguarda do Centro de Saúde Militar de Coimbra.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.486.116 mortos no mundo, resultantes de mais de 112 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 16.136 pessoas dos 800.586 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.