A pandemia da Covid-19 fez com que o ano de 2020 se tornasse uma grande dor de cabeça em todas as áreas da sociedade, mas especialmente para o sistema nacional de saúde. O acesso aos profissionais de saúde para outros temas, para além do vírus Sars-Cov-2, tornou-se praticamente impossível.

Foi neste sentido, e de modo a facilitar também a vida a profissionais de saúde sem mãos a medir, que a saúde virtual começou a ganhar grande relevância e destaque. É verdade que a digitalização na saúde tem se vindo a desenvolver já há vários anos, no entanto a pandemia foi a maior catalisadora da adoção generalizada de cuidados virtuais. Com o contacto presencial entre utentes e profissionais de saúde estritamente limitado, a telemedicina assumiu um papel fulcral e as tendências estatísticas inverteram-se.

Mas então o que é a saúde virtual?

Tal como as próprias tecnologias, o termo saúde virtual – ou saúde digital – está em contínua evolução para englobar novas abordagens e desenvolvimentos. Embora não existam definições oficialmente acordadas, os conceitos cuidados de saúde virtuais, tele e digitais tendem a ter um âmbito alargado que inclui tecnologias para registo/comunicação, educação, diagnóstico e monitorização de doentes à distância. Além disso, as tecnologias digitais e o software para troca de informação médica e funções administrativas/operacionais estão também incluídas nesta alçada. Os termos telemedicina e cuidados de saúde à distância referem-se frequentemente apenas à consulta e ao tratamento médico dos utentes à distância. O facto é que, pode e deve ir para além deste conceito!

A verdade é que a aposta generalizada neste conceito e tipo de medicina pode transformar radicalmente o setor da saúde. Com consultas remotas, os profissionais de saúde esperam aumentar consideravelmente o acesso dos utentes a bons cuidados de saúde, assegurando um plano de cuidados multidisciplinar adequado e, simultaneamente, diminuir o custo global de prestação de serviços.

As circunstâncias únicas de uma crise pandêmica, sem precedentes, impôs a implementação rápida e generalizada deste processo de transformação. Com a necessidade de distanciamento social, o reforço de protocolos rigorosos de prevenção e controlo de infeção, assim como a própria relutância dos utentes em visitar os cuidados de saúde conduz as instituições de saúde a recorrer em massivamente à tecnologia de saúde virtual, confirmando assim o seu papel fulcral na saúde moderna.

Consultas Remotas

Como temos vindo a falar, a capacidade de os profissionais de saúde comunicarem com os utentes de forma digital não é inovadora. As tecnologias para chamadas de vídeo ao vivo, áudio e mensagens instantâneas não são diferentes daquelas que usamos no nosso quotidiano. No entanto, uma mudança de mentalidade e de paradigma no que respeita às decisões dos gestores de saúde para impulsionar os serviços, consciencializou os utentes para os benefícios e possibilidades que a saúde virtual oferece.

Softwares e aplicativos de videoconferência móvel suportam uma comunicação mais rápida, fácil e mais frequente entre utente se equipas de saúde, eliminando assim necessidade de visitar uma clínica ou um hospital. Além disso, há também um grande número de serviços, principalmente de aplicativos de telemedicina móvel, que têm como objetivo colocar as pessoas em contato com profissionais de saúde especializados. Trata-se de unidades de apoio clínico disponíveis 24 horas por dia, 7 dias por semana e oferecem tempos de espera relativamente curtos. Esta opção pode ser incrivelmente atraente para os utentes e respetivos cuidadores.

No entanto entendemos ainda que, para algumas faixas etárias da população, o recurso à tecnologia é vista com bastante ceticismo, considerando a importância da avaliação de um profissional de saúde presencialmente, bem como a limitação e falta de destreza a recursos tecnológicos.

Ainda assim, considerando o panorama futuro é crucial que a integração da saúde virtual seja feita rapidamente e encorajada pelos profissionais de saúde, investindo na Literacia em Saúde Apenas com a competência técnica, aliada à confiança dos profissionais será possível transmitir os benefícios atuais e futuros aos utentes e clientes.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.