Andreia Filipe foi umas das participantes do programa 'Big Brother - A Revolução' que desde sempre se mostrou mais desconfortável e incomodada com os barulhos provocados durante a noite pelos casais da casa mais vigiada do país.

Agora, depois de ter sido expulsa do reality show na gala do último domingo, a professora de dança admite que existe sexo entre os casais e que esta "atitividade noturna" se torna muito desconfortável para quem partilha quarto com eles.

"É duro, confesso que é muito complicado", confessa Andreia, que para tentar dormir descobriu várias estratégias: "Tampões nos ouvidos, almofadas em cima da cabeça".

Andreia afirma mesmo que chegou a tentar alertar os colegas, nomeadamente Zena e André Abrantes, para que tivessem um maior respeito pelos colegas durante a noite. Segundo a própria, chegaram a existir "algumas frases sem microfone" sobre o tema. Esta era uma forma de não expor a intimidade do casal.

"Nós mandámos mensagens indiretas, eu até passei uma mensagem ou outra um pouco mais direta… mas houve apenas uma tentativa [da parte dos casais], que se calhar não foi suficiente", lembra.

Porém, não eram apenas os barulhos que eram difíceis de gerir. A professora de dança confessa ainda que ver a proximidade dos casais fazia aumentar as saudades do namorado. "É difícil porque se tem saudades de carinho, de amor", refere, dando conta de que eram os mimos e os abraços o que mais falta lhe fazia.

Leia Também: Andreia recorda aborto e afirma: "A minha queda foi antes do Big Brother"

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.