A relação que Diana tinha com os filhos, William e Harry, era bastante próxima e as últimas revelações feitas sobre a ‘princesa do povo’ parecem provar precisamente isto. No documentário ‘Serving the Royals: Inside the Firm’, Paul Burrell, que foi mordomo pessoal de Diana, afirmou que a mesma pedia-lhe para que fosse “comprar revistas eróticas para os filhos”.

Segundo o mordomo, com esta prática, Diana esperava que William e Harry tomassem o devido conhecimento acerca do corpo feminino. “Ela pensava que era bom que os filhos vissem outras mulheres”, realçou.

“A Lady Di queria que os filhos crescessem com uma visão positiva do sexo oposto, motivo pelo qual normalmente me incumbia de ir à banca de jornais realizar este tipo de compras”, completou.

Importa lembrar que William e Harry tinham 15 e 12 anos, respetivamente, quando a mãe morreu num trágico acidente de automóvel em Paris, quando estava a ser perseguida por paparazzi.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.