Numa altura em que muito se tem discutido quem deve ser o substituto de Daniel Craig no próximo '007', Ana de Armas deixou claro que, para ela, apenas faz sentido que a pessoa escolhida seja um homem.

"Não há necessidade de ter um Bond feminino. Não deveria existir nenhuma necessidade de roubar o personagem de outra pessoa. Isto é um romance e leva-nos para este mundo do James Bond e para a fantasia deste universo em que ele vive", explicou a atriz.

Ana de Armas, que interpretou o papel do par romântico de Bond no filme '007: Sem Tempo Para Morrer', disse ainda que, na sua opinião, os papéis femininos desta saga deveriam ser ainda mais profundos e receber um maior reconhecimento.

Leia Também: Jennifer Lopez e Ben Affleck planeiam festa para celebrar o casamento

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.