"Não foi um dia feliz para toda a gente e a frustração e a tristeza de quem não conseguiu estar nesta sessão são compreensíveis", assim começou por escrever Nuno Markl na sua conta do Instagram, onde destaca a presença de Millie Bobby Brown na Comic Con Portugal, este domingo, dia 15 de setembro.

Um momento que ficou marcado pela confusão por causa da protagonista da série 'Stranger Things', pois todos queriam ver a atriz mas muitos ficaram à porta.

"O clima estava tenso (eu próprio tive de me chatear com um segurança que se pôs a espingardar com o meu filho e os primos sem razão), mas sei também que a pressão era muita, e que isto foi uma prova de fogo radical para a Comic Con, cuja luta para negociar a vinda da Millie Bobby Brown a Portugal foi longa, dura e só resolvida já perto da data do evento. Lições serão aprendidas, e não tenho dúvidas que ouvidos serão dados às críticas", acrescentou o animador das Manhãs da Comercial.

De seguida, Markl falou sobre a atriz. "Tenho a dizer que, apesar do aparato quase de chefe de estado que a rodeava, é uma jovem divertida, simples e sem medo de fãs; àqueles que conseguiram lugar na sessão de autógrafos que se seguiu à nossa muito agradável conversa, Millie deu abraços apertados e foi acessível e genuína", destacou, tendo comentado ainda o valor cobrado para os autógrafos de Millie, afirmando que esta é uma prática comum nas outras edições do evento.

"No que toca à cobrança de dinheiro por autógrafos e selfies, há que dizer que não é um vedetismo ou uma exploração súbita e inesperada. Isto é norma nas Comic Cons estrangeiras e faz sentido: um autógrafo de um artista com a exposição global que alguém como Millie tem, é um item de coleccionador que valerá infinitamente mais do que, por exemplo, um rabisco do gajo que faz o 'Homem Que Mordeu o Cão' (por isso os meus são GRÁTES!). Os preços de Millie até foram simpáticos (como me dizia ontem o meu caro vizinho e geek Joan Tonos, o Mark Hamill é senhor para cobrar 400 euros por um autógrafo)", disse.

Nuno mostrou-se "triste por toda a gente que não conseguiu entrar" e não deixou de destacar: "(Para que não pensem que houve qualquer favoritismo, família minha ficou de fora), mas tenho a certeza que as coisas vão ser afinadas e melhoradas".

Leia Também: "Trouxe o meu sucessor, para ele se ir já habituando a pegar no negócio"

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.