Com o divórcio no horizonte, Luciana Abreu e Yannick Djaló já começaram a tradicional disputa dos bens do casal.

Segundo avançado pela imprensa de hoje, Luciana aproveitou a ausência do jogador, que está em Miami de férias, para transferir o Porsche Panamera branco, adquirido por Djaló em 2011, para o nome de sua irmã Luísa.

Mais tarde, a atriz e cantora tentou levantar o carro da oficina onde se encontra para algumas reparações, mas o dono do estabelecimento não o permitiu.

Uma fonte próxima do jogador do Benfica citada pelo “Correio da Manhã” explicou que Luciana tinha em seu poder uma procuração passada por Djaló que lhe permitia movimentar os bens, mas que esse documento já foi anulado.

Mesmo assim, Luciana conseguiu passar a viatura para o nome da irmã e, acompanhada pela GNR, foi à oficina Cartekh tentar levantar o automóvel avaliado em 212 mil euros.

Sem sucesso porque Vítor Rosa, dono do estabelecimento, percebeu que estava perante uma situação legalmente duvidosa. “Existem de facto dois documentos diferentes do carro e por isso tem de ser feito um esclarecimento. Até lá mantém-se na oficina”, disse ele.

Luciana Abreu continua em silêncio sobre a sua separação do jogador do Benfica, confirmada pelo próprio em comunicado oficial.
 

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.