Pode parecer difícil encontrar defeitos numa fotografia que tem o Príncipe George como protagonista mas a imagem em que Lupo, o cão de estimação da família, está a ser alimentado com um gelado não agradou os ativistas dos direitos dos animais.

De acordo com o The Guardian, os críticos foram rápidos a apontar os potenciais problemas que o cão poderia vir a ter por se alimentar de gelado, uma vez que o chocolate é especialmente perigoso para os animais.

Grupos como a Royal Society for the Prevention of Cruelty to Animals apressaram-se a emitir um comunicado onde faziam algumas advertências.

"É adorável que o Príncipe George tente ajudar a manter o cão da família, Lupo, mais fresco, tendo em conta as altas temperaturas. Nós aconselhamos que as pessoas tenham cuidado ao dar aos seus cães alimentos destinados ao consumo humano como o chocolate, que podem ser altamente tóxicos para os cães, e produtos láteos que podem ser difíceis de digerir", escreveu o organização de defesa dos direitos dos animais.

Como alternativa, a organização sugere que se faça, em casa, uma barra de gelado adequado para cães, com a contribuição das crianças. "Fazer isso pode ser muito divertido para as crianças e o produto final é seguro e agradável para os cães", concluem.

Um porta voz do Palácio de Kensington afirmou que "o duque e a duquesa esperam que as pessoas possam gostar de ver estas novas fotografias. Eles gostavam de agradecer todas as mensagens adoráveis que receberam na celebração do terceiro aniversário do Príncipe George", não tecendo qualquer comentário sobre a polémica do gelado.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.