Ben Stiller foi fazer uma visita a refugiados em Berlim, num encontro promovido pela Agência das Nações Unidas para Refugiados. O ator de 50 anos mostrou toda a sua solidariedade para com as milhares de pessoas que têm chegado à Europa, numa situação muito difícil, devido à guerra.

“Conhecer estas famílias torna o problema muito mais real para qualquer ser humano. Estas pessoas têm muita coisa em comum com todos nós. São pessoas esforçadas e educadas e apenas querem o melhor para o futuro dos seus filhos. Não consigo imaginar ter de arriscar a vida dos meus filhos numa viagem tão perigosa só porque não existem caminhos legais para chegar a um sítio onde ficar em segurança. Apesar de terem perdido tudo, eles falam com muita dignidade e receberam-nos bem. Estas pessoas são as vítimas inocentes do conflito e precisam do nosso apoio”, afirmou o artista.

Ben conheceu alguns refugiados na companhia da mulher, Christine Taylor.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.