O drama continua. Alanna Zabel, antiga professora de yoga de Adam Levine, usou as redes sociais para denunciar mensagens inapropriadas que recebeu do músico.

“Um dia escreveu-me: ‘quero que passes comigo o dia nua’”, revelou Zabel, que trabalhou com Levine entre 2007 e 2010.

Zabel explica ainda que decidiu expor agora o sucedido uma vez que o escândalo em que Levine se encontra envolvido a levou a refletir sobre as “consequências das ações que tomamos e de como estas afetam os outros”.

Note-se que para além de Sumner Stroh, outras duas mulheres já vieram a público dizer que o artista também lhe enviou mensagens no Instagram.

Leia Também: Como Behati Prinsloo está a lidar com o escândalo do marido, Adam Levine

Leia Também: Adam Levine quebra silêncio sobre alegada traição: "Passei das marcas"

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.