É muito fácil sair da sua zona de conforto e dos limites da tradição, investigando sobre todas as possibilidades ao seu alcance. Às vezes, uma pequena alteração da rotina é tudo o que basta para desfrutar um Natal diferente e fora do comum. Esforce-se para tornar cada Natal inesquecível. Você e os seus merecem celebrar um Natal que lhes aqueça a memória e o coração. O natal não é apenas prendas e materialismo. Lembre-se que o que mais faz a diferença é a partilha e o convívio. Reunindo as ideias de todos, um Natal diferente está ao seu alcance à espera de ser conquistado e celebrado.

Veja alguns  locais mágicos para passar o Natal fora com a sua família:

1. Disneyland Paris, França

Celebre a época mais linda do ano, com uma série de festividades natalinas. Aproveite fogos de artifício especiais, desfiles encantadores de natal, decorações maravilhosas e uma leitura à luz de vela contando a história de como começou o Natal. Esta celebração é repleta de entretenimento ao vivo, fogos de artifício espetaculares e um maravilhoso desfile natalício. Celebre a magia do Natal no Magic Kingdom, o lugar mais feliz do mundo. Reúna a sua família para um evento especial repleto de músicas lindas e decorações de Natal inesquecíveis.

2.  Lapónia, Finlândia

As lendas remetem para o Pólo Norte como a casa oficial do Pai Natal. No entanto os Finlandeses não concordam. Eles acreditam que Rovaniemi, na Lapónia, localizado a norte do Círculo Ártico, é a sede do Natal. Aqui, as crianças podem fazer biscoitos de gengibre, inscrever-se na escola dos Elfos, ou ter uma aula de caligrafia e aprender a compor as suas listas de desejos para o Natal. Outras atrações incluem o jardim zoológico de Ranua, lar de ursos polares bebes e alces, a quinta Sirmakko, onde os visitantes podem fazer um safari de trenó puxado por renas e o Arktikum, um centro de ciência onde é revelado o mistério e a magia das luzes do Norte. Se quiser uma experiência verdadeiramente gelada, pode ficar no Hotel Arctic Snow, feito inteiramente de gelo e neve, mas equipado com saunas e banheiras de hidromassagem para quem quiser descongelar um pouco.

3. Estrasburgo, França

Desde 1570 que Estrasburgo abre o seu mercado de Natal em torno da sua Catedral. Com os seus 12 mercados de Natal, Estrasburgo convida-o a um passeio agradável no coração de seu centro histórico. Todos os anos estas festividades são alusivas a um diferente país de modo a que o povo de Estrasburgo e seus visitantes possam apreciar a riqueza e tradições culturais desse país, ofícios tradicionais e especialidades culinárias. O programa de eventos culturais e artísticos também oferece a oportunidade de mergulhar nos costumes através de canções tradicionais, danças folclóricas e atividades para crianças. Desde a década de 90, o mercado do Natal espalhou-se para outros lugares: Place de la Gare, Place de la Cathédrale, lugar du Château, bem como para todas as áreas de Estrasburgo. Gradualmente, ele foi enriquecendo com atividades em torno do tema do Natal (concertos, exposições, etc.).

4. Quebec, Canadá

Se sonha com um Natal branco, o lugar a ir é o Quebec no Canadá. Casas de pedra do século XVI e XVII, as luzes acendem-se pelas ruas, e muita neve fazem esta cidade um dos melhores lugares para passar o Natal. O Natal é altura de mercados especialmente festivos, com o Marche de Noel, ou o mercado de Natal, na cidade de Quebec que, em 2008, celebrou o seu 400 aniversário. Não perca as roupas de lã tricotadas à mão, brinquedos artesanais, cerâmica, pinturas, boutique de vinhos e licores e outros itens. Existem padarias, um pequeno café e um carrinho de crepe, onde pode escolher crepes e uma variedade de recheios de doces a salgados. Quebec é um paraíso para os entusiastas do meio ambiente, do ar livre. A cidade oferece um programa de férias para todos os gostos.

5. Barcelona, Espanha

Os espanhóis celebram o Natal com as suas próprias tradições e costumes. O dia 25 de dezembro é comemorado com um almoço de Natal, mas o verdadeiro Natal espanhol não é comemorado em dezembro. Em Espanha as festas Natal são no dia 6 de janeiro, quando os três Reis Magos trazem os presentes para as crianças. Se conseguir estender as suas férias de Natal até o dia dos Reis não há melhor lugar para apanhar com Belchior, Gaspar e Baltasar do que Barcelona. O dia 5 de janeiro é chamado de noite de Reis, o “Cavalcada de Reis” em catalão ou “Cabalgata los Reyes Magos,” em castelhano. É também o desfile de Reis ou a procissão “Twelfth Night”. O desfile de três reis é uma procissão impressionantemente decorada. Cada carroça é tripulada por adultos mascarados e crianças que atiram doces para a multidão eufórica ao longo do desfile. Alguns bairros têm o seu próprio desfile e a cidade tem um grande desfile central todos os anos. Os carros alegóricos incluem camelos, elefantes, girafas e figurantes deslumbrantes.

6. Queenstown, Nova Zelândia

O Natal tradicional com as cores vermelho, verde e branco assume um significado inteiramente novo na Nova Zelândia. Aqui o vermelho representa o “Metrosídero” (árvore de Natal de floração vermelha da Nova Zelândia), o branco representa as praias de areia e o verde o kiwi. Banhos de sol e surf em vez de neve e renas, temperaturas elevadas em vez do tradicional frio. Existem restaurantes abertos em Queenstown que servem jantares de assados de Natal tradicionais ou menus especiais de Natal para vários tipos de orçamentos. No entanto, o que os Neozelandeses verdadeiramente apreciam nesta altura do ano é cordeiro, frutos do mar e frango, acompanhado por saladas frescas e regado com uma garrafa gelada de cerveja ou um copo de vinho, terminando com uma sobremesa pavlova, coberta com creme e kiwi ou um saco de cerejas frescas. Um número surpreendente de atividades existe no dia de Natal. Pode fazer jetboating, parapente, andar de gôndola e muito mais. É uma época do ano bastante movimentada.

7. Reykjavik, Islândia

Na Islândia o Natal é conhecido como ‘Yule’ ou ‘Jól’. Em Reykjavik, as festividades iniciam-se com a iluminação da árvore de Natal na Praça de Austurvölller, no centro da cidade. A árvore é um presente anual da cidade de Oslo e decorado com luz branca tornou-se uma imagem icónica do Natal de Reykjavík. Depois da cerimónia de iluminação da árvore segue-se um programa de eventos festivos, com por exemplo uma banda filarmónica, coro e poesia. No Natal na Islândia as famílias reúnem-se, desfrutam de boa comida e trocam presentes. É o mais longo feriado da Islândia. Os Islandeses comemoram 13 dias de Natal. O período começa no dia 24 de dezembro e termina no dia 6 de janeiro, quando todas as decorações de Natal são retiradas das ruas e casas. As famílias reúnem-se à noite, na véspera de Natal, e trocam os presentes. Durante os dois dias seguintes, vão para festas de Natal e reúnem-se com a família e amigos. O Natal é levado muito a sério na Islândia. Todas as casas são limpas, toda a gente veste roupa nova, decoram a casa por dentro e por fora. É verdadeiramente uma festa dos sentidos.

8. Nova Iorque, EUA

Cada vez mais pessoas aproveitam as férias de inverno para desfrutar da Grande Maçã. Os voos saem mais baratos e além de visitar todas as zonas turísticas que Nova Iorque lhe oferece, poderá também aproveitar para fazer as suas compras de Natal na 5ª Avenida. Nova Iorque ama o Natal. É um momento em que a cidade fica mais bonita, com as montras enfeitadas de luzes que é uma tradição já existe há muitos anos. Além de criar um clima festivo entre os moradores e visitantes, é uma espécie de competição tácita entre as lojas de departamento: quais janelas são mais criativas e mais bonitas. Aproveite também para ver  a árvore de natal do Rockefeller Center decorada com uma estrela Swarowski, trinta mil grinaldas e lanternas, sendo assim a principal árvore da cidade. Com as ruas cobertas de neve e você bem agasalhado para o inverno passe pelas lojas da  Fifth Avenue para fazer compras de Natal de última hora.

9. Andorra-a-velha, Andorra

Para os amantes de ski, Andorra é o destino ideal para aproveitar umas férias de Inverno, em parte por ter a maior superfície esquiável dos Pirinéus, com 6 estâncias de ski e 177 pistas. Por isso não hesite, pegue nos seus skis e desfrute do seu desporto favorito. Além do esqui e do snowboard em Vallnord e Grandvalira, pode também usufruir de outras atividades de neve como passeios de moto de neve, passeios panorâmicos, rapel no gelo, passeios noturnos, circuitos de trenó puxado por cães e ainda passar uma noite dentro de um iglo. Tanto Vallnord quanto Grandvalira dispõem de atividades na neve desenvolvidas para as crianças chamados de "Family Park" e todas elas são acompanhadas por monitores especializados. No fim do dia é possível aproveitar as cidades da região e a boa oferta de spas que atendem os fadigados esquiadores.

10. Edimburgo, Escócia

Edimburgo, na Escócia, é outro dos destinos perfeitos para quem sente intensamente o espírito natalício. Com uma espetacular exibição de luzes, a par com roda gigante, um dos marcos da cidade é o célebre mercado alemão, que se realiza todos os anos. Este ano, para não fugir à tradição, os agentes locais voltaram a investir em grande para atrair turistas e visitantes, prometendo «o maior e o melhor Natal de sempre». Não perca a árvore de Natal do luxuoso The Dome na George Street, um restaurante/bar muito apreciado pelos locais. O Royal Mile, o lugar perfeito para comprar presents e decorações natalícias, é outro dos marcos da cidade nesta quadra, tal como a Ye Olde Christmas Shoppe e a Nutcracker Christmas Shop, que como muitas outras funcionam com horários alargados nesta época. Não perca também as atuações musicais que as vozes dos Edinburgh University Renaissance Singers’ oferecem na sua emblemática atuação anual.

Depois destas sugestões fantásticas pode começar a pensar num Natal diferente...

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.