O que cada um disfarça e protege é quase sempre sem excepção também o ponto mais vulnerável do indivíduo. Aquele que aprendemos desde muito cedo a proteger para que não seja exposto de tal forma que o processo poderá passar a ser inconsciente. Mas não é que parece haver um íman a atrair aquilo que tanto se foge? Deve ser para que aprendamos a viver, aceitar e integrar essa parte de nós.

A Lua representante da nossa vontade dominante, simbolismo da emocionalidade e daquilo que necessitamos para nos sentir confortáveis emocionalmente, a principal reflectora da energia Solar; deveria estar sempre livre e desimpedida para ser ir em busca daquilo que precisamos. Seria tudo mais fácil, ou não, se a Lua não fosse pressionada por outros (aspectos tensos com outros planetas) ou pela sua posição em casas que a convidam aos disfarces comportamentais e ao secretismo. Fazendo uso de disfarces e passando imagens erróneas nessa necessidade atávica de se proteger. Raramente encontramos as características da Lua, genuínas e puras na idade adulta, fruto das cedências e ajustamentos que fomos padronizando ao longo da vida.

Veja a continuação do artigo na próxima página

Reparem na Lua nas Casas de Água, a 4ª, 8ª e 12ª; independentemente do signo onde se encontrem, podem estar certos que as emoções são fortes e escondidas dos outros para que o próprio possa lidar com a vida mais livremente dando a quem as tem ali, uma sensação de protecção, a do seu esconderijo, podendo passar aos outros uma ideia de distância. A Lua num signo deste elemento teme a imperfeição, busca e dá prioridade ao conforto emocional.

A Lua nas Casas de Terra, a 2ª, 6ª e 10ª; estará muito mais voltada para fora para a construção, para que lhe reconheçam o valor. A Lua neste elemento é muito assertiva no que respeita à sua auto-suficiência, necessita esconder as fraquezas, num exercício fantástico de resistência; usando valores materiais, trabalho ou responsabilidade para se protegerem dos assuntos que os deixam desconfortáveis.

A Lua nas Casas de Ar, a 3ª, 7ª e 11ª; necessita se afirmar intelectualmente, dá importância aos valores sociais, usando como protecção a negação, mudar de assunto será a fuga predilecta, a necessidade de se justificarem para se protegerem da desilusão.

A Lua nas Casas de Fogo, a 1 ª, 5ª e a 9ª ; será uma Lua exagerada, gosta de se gabar e usa muitas vezes o humor como forma de protecção. A sua necessidade de apreciação ao nível de estrela principal é enorme.

Ana Cristina Corrêa Mendes

http://espelhodevida.blogspot.com

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.