Viver sem internet é hoje em dia quase impossível e no que diz respeito a compras, é cada vez mais frequente comprar-se pela internet. Quer seja, roupa, decoração ou até mesmo supermercado, cada vez mais os portugueses preferem evitar as filas e comprar tudo à distância de um clique. Mas para o fazer é necessário que tenha atenção a algumas coisas e por isso, vamos dar-lhe 9 dicas para que compre em segurança pela internet.

Regra Nº1- Pesquisar sobre a loja ou marca:
A primeira regra é pesquisar em motores de pesquisa sobre o site, a loja online ou a marca em questão. As redes sociais também ajudam para pesquisar sobre a fiabilidade do site e saber os comentários e reviews de outros consumidores.

Regra Nº2 – Análise do site e políticas:
Depois de saber o feedback de outros clientes sobre o site, deve analisar a sua segurança e as políticas. Convém que este tenha um certificado digital de segurança facilmente identificado com um cadeado na barra de endereço. Já em relação às políticas de envio, condições, prazos de entregas, devoluções, métodos de pagamento e políticas de privacidade, estas tem que estar obrigatoriamente discriminadas para análise. É importante também verificar os contactos disponíveis, telefone, email, endereço fiscal e morada, para que caso tenha alguma dúvida ou problema saber com quem deve contactar.

Regra Nº 3 – Análise do produto e do preço:
Assim que começar a pesquisar e a procurar o produto que quer comprar, analise-o através das imagens, da descrição detalhada do mesmo, o tipo de material, normas de lavagem, tamanhos e medidas disponíveis, entre outros. Já há site com acesso a vídeos onde consegue analisar em detalhe o produto. Se este não tiver informações acessíveis deve questionar a credibilidade do site.
Em relação ao preço compare sempre antes de comprar e se for demasiado baixo deve desconfiar porque poderá ser uma falsificação.

Regra Nº 4 – Origem e compras internacionais:
É muito importante saber o país de origem do site, para evitar que a sua encomenda fique retida na alfândega, e evitar também prazos de envio muito alargados. Se a encomenda estiver a demorar mais do que o previsto deve alertar o site e estar sempre a par do processo de envio da encomenda. É muito importante que observe se existe um ícone de um cadeado na barra de endereço. Isto significa que o site é composto por um certificado digital de segurança, o que lhe permite efetuar compras sem problemas.

Regra Nº 5 – Compra e pagamento:
Uma das opções mais seguras é o serviço de pagamento por PayPal, no qual não tem que colocar os dados do seu cartão. No entanto, há outros serviços seguros como os pagamentos por multibanco ou o MBNET. Evite a qualquer custo fazer compras através de computadores públicos, e confirme as atualizações e o antivírus do seu computador pessoal. Há sites que guardam as informações do seu cartão para facilitar compras futuras, no entanto, se alguém entrar com o seu login pode fazer compras em seu nome. Apague sempre todas as informações automáticas para evitar roubos.

Regra Nº 6 - Informações:

Visto que ao efetuar uma compra online não consegue ter a perceção do produto ao vivo e a cores, é fundamental que procure saber se o site apresenta serviços, como é o caso de um chat on-line, para tirar dúvidas e deixar a opiniões, fotos e descrição detalhada do produto, informação sobre o prazo de entrega, organização por categoria de forma a facilitar a procura, várias opções de pagamento e interação em redes sociais.

Regra Nº7 - Antecedência:

Se precisa de uma peça para um evento, ou um presente para alguém especial, deve fazê-lo com a máxima antecedência possível. Existem inúmeros motivos que podem fazer com que a sua encomenda demore a chegar, como por exemplo a confirmação de pagamento, atrasos do correio, ou até mesmo o facto de a loja não ter o produto em stock. Além disso, a peça pode chegar e não ser bem aquilo que esperava e nesse caso vai ter de ter tempo para trocar.

Regra Nº8 - Devoluções:

As lojas online tem um prazo de dias para poder efetuar a devolução do produto. Se não gostou, se não lhe serve ou se acabou por arrepender-se da sua escolha, tem no mínimo 7 dias após receber a encomenda para informar a loja das peças que vai devolver. Se isto acontecer, pode receber o valor pago ou então trocá-lo por outro produto, peça ou tamanho.

Regra Nº9 - Falsificações :

Apesar de todos os benefícios, a internet também tem os seus contras e neste caso é muito fácil encontrar-se falsificações. Embora os preços sejam muito mais apelativos, nem sempre vale a pena dar dinheiro por estas, até porque na maioria dos casos podem tratar-se de produtos que foram roubados ou então acabem por ficar presos na alfandega por se tratarem de imitações. Por isso, se pretende produto de uma marca mais cara, deve comprar nas lojas oficias, em revendedores autorizados ou no sites oficiais.