Britney Spears tem estado no centro das atenções, depois de ter sido noticiado que a cantora foi internada numa clínica psiquiátrica no início deste mês. Na altura, a imprensa internacional adiantou que a artista era a favor do internamento e que esta decisão chegou com o "desgaste emocional" por causa dos problemas de saúde do pai, que sofreu uma rutura no cólon. No entanto, agora surgiram rumores que alegam que afinal a estrela pop terá sido levada para a instituição contra a sua vontade.

Perante as especulações, os fãs juntaram-se num protesto, em Los Angeles, e iniciaram um movimento nas redes sociais (#FreeBritney [Libertem Britney]).

Com toda a agitação à volta do que aconteceu, a irmã de Britney, Jamie Lynn Spears, decidiu recorrer às redes sociais para reagir ao sucedido, defendendo a cantora.

Num vídeo publicado na sua conta do Instagram, gravado há uma década, Britney e Jamie Lynn estão a caminhar no meio de imensos paparazzi enquanto ouvem alguns comentários menos bons. Na legenda da publicação, Jamie escreveu: "Quem é que estava lá há dez anos? Estive sempre aqui, muito antes do que qualquer outra pessoa e vou estar sempre aqui. Amo a minha irmã com todas as minhas forças. Por isso, qualquer pessoa que diga o contrário pode sair daqui com todos os comentários sobre o que vocês não entendem. Não falem de mim ou daqueles que mais amo".

Recorde-se que a artista fez uma pausa no tratamento no passado fim de semana e foi vista com o namorado em público no domingo de Páscoa. Nas imagens, a cantora surge quase irreconhecível.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.