No jogo de futebol que opôs o Inter de Milão ao SSC Napoli, que os milaneses venceram por 1-0, o senegalês Kalidou Koulibaly foi alvo de cânticos racistas por parte da equipa da casa, uma situação que está a gerar uma onda de protestos em Itália. Cristiano Ronaldo, um dos muitos indignados com a situação, saiu esta manhã em defesa do futebolista do coletivo de Nápoles, aproveitando as redes sociais para fazer um apelo.

"No mundo do futebol, defenderei sempre a educação e o respeito. Não ao racismo nem a qualquer outro tipo de ofensa e de discriminação", escreveu CR7, que ontem marcou um golo contra o Atalanta BC com a camisola da Juventus, na legenda da fotografia que publicou, onde surge ao lado de Kalidou Koulibaly. Os admiradores reagiram de imediato. "Assim se faz o planeta CR7", elogiou El Freitas Jr. no Instagram.

"Ronaldo é um homem dentro e fora do campo", enalteceu também o empresário napolitano Lino Cappella. Na companhia da namorada, Georgina Rodríguez visitou crianças com cancro na véspera de Natal em Turim, a pedido da mãe de um rapaz de 10 anos com leucemia. Nas alas de hematologia e de oncologia pediátrica do Hospital Infantil Regina Margherita, distribuiu presentes e tirou fotografias com os mais pequenos.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.