O Governo procedeu à nomeação de “Sofia Maria Lopes Portela para o cargo de presidente do conselho diretivo do Instituto de Proteção e Assistência na Doença (ADSE, I. P.), em virtude da renúncia ao cargo efetuada pelo atual presidente e para completar o mandato em curso que termina em 16 de março de 2020”, refere o comunicado divulgado após o Conselho de Ministros de hoje.

As frases mais ridículas ouvidas pelos médicos
As frases mais ridículas ouvidas pelos médicos
Ver artigo

Sofia Portela, que desempenha até agora funções de vogal da ADSE, vai substituir Carlos Liberato Baptista, que em maio se demitiu da presidência deste instituto, onde estava desde janeiro de 2017, alegando “motivos pessoais”.

Reportagem da TVI 

A demissão de Carlos Liberato Baptista aconteceu após a TVI emitir uma reportagem que levantou suspeitas sobre a sua gestão na Associação de Cuidados de Saúde da antiga Portugal Telecom.

No início de julho, a Polícia Judiciária fez buscas domiciliárias e não domiciliárias no âmbito de um inquérito que tem por objeto a investigação de suspeitas dos crimes de corrupção passiva nos serviços da ADSE.

Esta investigação, segundo a imprensa, incidiu sobre o presidente demissionário da ADSE, Carlos Liberato Baptista, por suspeitas de corrupção.

Licenciada em gestão, a nova presidente da ADSE é docente do ISCTE, em Lisboa, e especialista em gestão, tendo ainda passado pelo grupo Sonae.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.