Desde pequenino que certamente lhe ensinaram que mentir é muito feio e que faz crescer o nariz. A verdade é que, com o passar do tempo, surgem alturas em que uma pequena mentirinha ou omissão acabam por ser muito convenientes. O importante é que não se deixe enredar nas suas próprias teias para não prejudicar a sua relação com os outros. Responda às perguntas que se seguem e descubra se é pessoa de mentir muito, pouco ou nada.

 

Embora tenha sido elaborado e revisto por psicólogos e por especialistas em sociologia, este teste tem um caráter meramente lúdico e não tem qualquer pretensão de rigor científico.