Com o avanço do COVID-19 em Portugal, foram muitas as empresas que optaram pelo teletrabalho como medida de prevenção para evitar a propagação do vírus. No entanto, trabalhar a partir de casa pode revelar-se um verdadeiro desafio para muitos, principalmente na fase em que vivemos, que nem no final do dia podem sair de casa para fazer a sua vida normal. Por isso, é importante arranjar alternativas para conseguir manter o foco, reduzir a ansiedade e manter os níveis de produtividade. Para ajudá-lo nesta missão, deixamos oito dicas para que possa gerir o seu dia da melhor forma e dentro da normalidade que é possível neste momento.

1. Mantenha a rotina

Embora seja complicado, é importante que mantenha as suas rotinas para que se aproxime o máximo possível do que é a normalidade dos seus dias. E como? Faça tudo como fosse sair de casa. Tome o pequeno-almoço, dispa o pijama e vista a sua roupa do dia a dia, coloque perfume e leia o jornal. Mantenha tudo igual, mas sem sair de casa. Assim vai-se sentir mais preparado e motivado para o dia de trabalho.

2. Crie um ambiente de trabalho apropriado

Um dos primeiros passos, e dos mais importantes para quem está em teletrabalho, é criar e organizar a sua nova zona de trabalho e assegurar-se de que tem todas as ferramentas de que precisa. Dentro do que é a sua casa, escolha um sítio onde possa manter a produtividade e concentração ao longo do dia. Procure que seja um lugar confortável (e não falamos da cama, nem do sofá) e com luz natural. Caso tenha animais ou esteja em isolamento com a sua família, procure um espaço em que não haja tanta circulação, diminuindo assim as possíveis interrupções.

3. Estabeleça um método de trabalho

Depois de criar o seu ambiente de trabalho, o passo seguinte é estabelecer um método de trabalho. O ideal é que seja o mais próximo possível daquele que tinha no seu escritório. Para isso deve manter o rigor no cumprimento do seu horário de entrada e saída, fazer uma lista de tarefas e organizar os seus dias.

Como trabalhar em casa pode ser um desafio para muitos a nível de produtividade e concentração, procure sempre começar o dia com as tarefas mais importantes e, a partir daí, a execução das restantes.

4. Separe o trabalho do lazer e das tarefas domésticas

Esta é uma das tarefas mais complicadas para quem está em teletrabalho. Em muitos momentos, o horário laboral pode cruzar-se com fazer uma máquina de roupa, lavar a loiça ou até mesmo pendurar aquele quadro que está há meses à espera. Contudo, também é válido o contrário. O teletrabalho pode levar a que o almoço seja feito em frente ao computador. Por isso é importante separar o trabalho dos momentos de lazer e das tarefas domésticas.

Se misturar tudo, no final do dia, vai sentir que o tempo passou a voar e que na realidade não fez nada, não descansou e nem terminou as suas tarefas laborais.

5. Prepare as refeições no dia anterior

No seguimento do tópico anterior, preparar o dia de trabalho e separá-lo das tarefas domésticas, passa também por preparar as refeições no dia anterior, principalmente o almoço. Aproveite a sua hora de almoço para descansar e não para cozinhar. Para além de se assegurar que vai ter cerca de uma hora para relaxar sem stress e nem preocupações, também vai garantir que não alonga a sua hora de almoço, devido ao tempo de confeção da refeição e da limpeza da cozinha.

Ah, e não se esqueça, desligue o computador. É hora de descansar, não de trabalhar!

6. Faça pausas ao longo do dia

Faça pausas de alguns minutos como se estivesse no seu local de trabalho. Estes períodos são importantes para recarregar energias e voltar ao trabalho com mais foco e motivação. Se preferir aproveitar essas pausas para as tarefas domésticas, ficando assim mais livre ao final do dia, pode fazê-lo, desde que não comprometam o horário e que sejam equivalentes ao tempo de uma pequena pausa para o café, por exemplo.

7. Mantenha o contacto com os colegas

Não se isole mais do que já está. Recorra aos chats e às videochamadas para estar em contacto com os seus colegas e estar a par do que se passa com eles e com a sua empresa. Estar em comunicação com a equipa vai ajudá-lo a estar mais motivado e a não se sentir tão sozinho.

8. Desligue-se das distrações

Num momento em que grande parte das pessoas está a trabalhar a partir de casa, e com mais tempo para se dedicarem a falar com familiares e amigos, é normal que o telemóvel e as notificações não parem de tocar. Mas, parecendo que não, os telefonemas e as mensagens ao longo do dia, têm um grande impacto tanto na concentração, como na produtividade.

Aconselhamos a que desligue as notificações e que atenda apenas as chamadas importantes. Desligue também todos os aparelhos à sua volta que o possam distrair, como é o caso da televisão.

E se mesmo assim se sentir desmotivado? Não se preocupe, é normal que estes sejam momentos de algum stress e de ansiedade, e que nem sempre sejam compatíveis com altos níveis de rendimento. O que aconselhamos é que, nesses momentos, faça uma pausa e tente ver outra tarefa que o possa encorajar.

Se é trabalhador independente e tem vindo a registar uma redução drástica na sua atividade, saiba que o Governo criou apoios para os trabalhadores independentes que estão sem trabalho devido ao novo coronavírus, bem como para aqueles que estão em isolamento ou a dar apoio à família.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.