Está bem hidratado?

As recomendações do Instituto de Hidratação e Saúde que apresentou um estudo pioneiro neste campo

Apostar em programas educativos das populações, promover a variedade das fontes de hidratação e incentivar o consumo de bebidas nos períodos entre refeições são os objetivos do Instituto de Hidratação e Saúde (IHS) que lançou as «Recomendações de Hidratação para os Portugueses».

Segundo o último estudo apresentado por este organismo, um milhão de portugueses ingere líquidos abaixo dos valores de referência.

«Influência das Motivações de Consumo no Aporte Hídrico dos Portugueses», apresentado pelo IHS, é o primeiro estudo do género realizado em Portugal. Os resultados do estudo reforçam a necessidade de apostar em programas educativos das populações, que promovam a importância do estado de hidratação para uma vida saudável e que apresentem recomendações de hidratação adaptadas às motivações de consumo dos segmentos da população pior hidratados.

Neste sentido, o Instituto de Hidratação e Saúde (IHS) lançou as «Recomendações de Hidratação para os Portugueses» com o objetivo de sensibilizar a população para uma hidratação adequada.

O IHS adoptou os valores de referência europeus, propostos pela European Food Safety Authority publicados em março de 2010, uma vez que os valores de ingestão de água proveniente de bebidas, reportados pelos portugueses, se enquadram nos valores observados em várias populações europeias, apesar da variabilidade observada entre países.

Comentários