Sente-se triste e quer emagrecer?

Este plano alimentar pode ajudá-lo alcançar este objectivo de forma eficaz

O humor deprimido tanto nos pode levar a não comer como a ingerir alimentos em exagero e nutricionalmente desadequados às necessidades do nosso organismo.

Na verdade, o equilíbrio psicológico é um factor relevante para o sucesso de um processo de emagrecimento, assim como a alimentação nos pode ajudar a encontrar o bem-estar a este nível.

Um nutriente eficaz para vencer a depressão é o triptofano, um aminoácido relacionado com o bem-estar. Está presente nos produtos lácteos, bananas, tâmaras, peixe e algumas carnes ou aves.

A fenilalanina, outro aminoácido, aporta vitalidade e encontra-se em frutos secos, soja e seus derivados. Se se sente deprimido, não se esqueça ainda de tomar magnésio (aveia, trigo e cereais integrais) um mineral que, para além de outros benefícios, contraria a ansiedade.

PEQUENO-ALMOÇO

Opção 1: 1 fatia de pão com queijo fresco, café com leite magro e uma banana.

Opção 2: 1 Iogurte magro, 1 peça de fruta, 1 café e 2 fatias de pão com marmelada.

ALMOÇO

Menu 1: Arroz com abóbora (60 g), salada verde (200 g) e 1 fruta tropical.

Menu 2: Esparguete com tomate e rabanetes, duas fatias de peru e uma peça de fruta.

Menu 3: Bife de novilho (150 g), salada de soja, 1 iogurte natural e 1 peça de fruta da época.

Menu 4: Peixe branco no forno (150 g), cenoura cozida e 1 peça de fruta.

JANTAR

Menu 1: 1 batata assada no forno, feijão verde cozido, fiambre e 1 peça de fruta à escolha.

Menu 2: Salada de massa (60 g) com verduras e tortilha com queijo branco.

Menu 3: Cavala no forno (150 g), arroz branco e iogurte magro.

Menu 4: Pasta (60 g), 2 cenouras, beterraba e 2 mandarinas.

APERITIVO OU MERENDA: Lacticínios magros com pão integral .


Aprenda a gerir a tristeza aqui.


artigo do parceiro:

Comentários