Faça o seu plano de carreira

Definir a sua própria estratégia é essencial para conseguir definir o seu futuro profissional, por isso não deixe a cargo da empresa a tarefa de traçar a sua profissão.

Qual é o trabalho dos seus sonhos? Quando pensa no futuro, em que cargo se vê? Quais são as suas ambições salariais? Estas são algumas das perguntas que devem guiar o seu percurso profissional. As respostas serão ferramentas poderosas para construir um plano de carreira, que ajudará a traçar  um caminho mais pleno e satisfatório. Esse tipo de planeamento era comum em grandes empresas, que também o usavam para atrair talentos. Sem esta perspectiva por parte do empregador, migrou para o funcionário a responsabilidade de criar a própria rota e atualizá-la. Não é tão difícil quanto parece e ainda pode ser bastante eficiente para o levar ao objetivo final. Para definir o seu plano de carreira deve seguir alguns tópicos:

1. Desenvolva a sua autoavaliação

Depois de definir um objetivo, o próximo passo para construir um bom plano de carreira é aprofundar a temática fazendo a sua autoavaliação. Numa folha de papel faça uma lista das suas habilidades e capacidades. Ao lado, escreva os seus pontos fracos, aqueles que ainda estão longe de ser satisfatórios para o cargo que procura. Avalie também conhecimentos subjetivos, tais como a sua habilidade de se comunicar e alguns aspetos da sua personalidade.

2. Invista em si mesmo

Depois de perceber quais os seus pontos fracos deve procurar melhorá-los, seja através de cursos, ou através de leituras ou pesquisas.

3. Aprenda a comunicar

Os especialistas de recursos humanos apontam este como um dos pontos fracos mais comuns nos dias de hoje, por isso procure melhorar a sua forma de comunicação, pois será a melhor forma de transmitir aos outros as suas competências.

4. Reveja o seu plano com regularidade

É natural que interesses e desejos mudem com o decorrer do tempo. Para manter o seu projeto atualizado e não perder o foco é recomendável que o reveja pelo menos uma vez ao ano. É importante também estar a par da conjuntura do mercado: o seu plano precisa levar em consideração fatores externos, como crises ou reformulações dentro da empresa ou do mercado em que pretende atuar. Dessa maneira, você estará preparada para oportunidades inesperadas.

Veja também: 7 frases que as pessoas bem sucedidas nunca dizem

Comentários