8 regras para tirar (maior) partido das redes sociais

Ponha-os em prática para conseguir mais facilmente emprego

Se, antes de se iniciar a crise, muitas empresas já eram inundadas de currículos, com o aumento do desemprego, essa situação agravou-se, ao ponto de muitos deles serem automaticamente apagados das caixas de correio eletrónico ou enviados diretamente para o lixo.

Aprenda a tirar partido das redes sociais para se promover.

Siga estas
dicas, sugeridas
pela empresa
de trabalho
temporário Kelly
Services, para
aumentar as suas
oportunidades de
trabalho através
do LinkedIn e de
outras redes
sociais:

1. Preencha o seu
perfil a 100%. O facto de não disponibilizar toda a informação solicitada pode ser-lhe prejudicial.
2.
Publique uma
fotografia
profissional no
seu perfil para
aumentar a
credibilidade. Escolha uma imagem que a valorize publicamente e que lhe confira um ar de profissionalismo e responsabilidade. Colocar uma fotografia em fato de banho ou na piscina pode levar o contratador a desviar o olhar mas não lhe vai, garantidamente, valer um emprego.

3.
Preencha a sua
função e uma
síntese da mesma. É importante explicar de forma clara e concisa que funções desempenhou e onde o fez, a par de algum pormenor que possa ser relevante para a sua contratação.

4.
Preencha as suas
experiências
anteriores e as áreas
de especialização. Este tipo de informação pode ser diferenciador e decisivo para quem analisa as suas aptidões e o seu percurso profissional.

5.
Siga os
especialistas do
sector. Procure informação especializada na internet, leia livros sobre o tema e frequente workshops e sessões de esclarecimento. Um pouco por todo o país, existem entidades e organizações que promovem iniciativas deste tipo, muitas delas de entrada gratuita.

6.
Inscreva-se em
vários grupos,
pois estes permitem-lhe
partilhar
experiências. Procure-os na internet e participe também nos fóruns de discussão que muitos deles promovem.

7.
Obtenha
recomendações
da empresa
onde trabalha
ou de empresas
anteriores nas
quais trabalhou. Este tipo de informação é fundamental para quem avalia o percurso e as competências de um candidato a um emprego.

8.
Seja ativa e
mantenha o seu perfil
atualizado de forma diferenciadora. Este aspeto também é fundamental. Perfis desatualizados são, muitas das vezes, associados a preguiça, laxismo e desinteresse, afastando eventuais interessados.

artigo do parceiro:

Comentários