Como escapar à gripe de forma natural

Sugestões de remédios caseiros que aliviam os sintomas

Apesar de, às vezes, se confundirem, os sintomas da gripe são muito mais fortes do que os da constipação comum. Depois de cinco dias, a febre e outros sintomas costumam desaparecer mas a tosse e a debilidade podem persistir.

A gripe contagia-se porque se propaga pelo ar, através de gotas infectadas por um vírus, que são expulsas com a tosse ou com os espirros. Os seus sintomas desaparecem, geralmente, numa semana.

Como se previne

- Ingira muitos líquidos. Pode beber água, sumos de fruta ou infusões. O seu corpo precisa de estar bem hidratado.

- Tente ter reservas de vitamina C no seu organismo. Para isso, ingira muitas frutas e verduras, ou suplementos desta vitamina desde o princípio do Outono.

Quando ir ao médico

É importante levar a gripe a sério, porque pode degenerar em pneumonia e noutras complicações graves, sobretudo em bebés, idosos ou pessoas com problemas de saúde crónicos.

Os remédios naturais

Perante o aparecimento dos primeiros sintomas (ranho, espirros, arrepios...), tome um suplemento imunológico com equinácia, sabugueiro, tomilho, eucalipto e hidrastes. São remédios antimicrobianos que podem travar uma infecção no seu começo ou, pelo menos, encurtar a sua duração.

«Ao mesmo tempo, estimulam o sistema imunitário a aumentar a produção de glóbulos brancos, imunoglobulinas e outras citocinas (substâncias que combatem vírus, bactérias e células cancerígenas)», acrescenta o naturopata João Beles.

O especialista recomenda que tome um banho quente pois o vapor alivia a congestão. «Recorra às plantas astrálago, ginseng, shitake ou maca, que são tónicos da energia vital durante o tratamento e que, para além disso, restabelecem a saúde assim que a doença acalma», finaliza o especialista.


Texto: Madalena Alçada Baptista com João Beles (naturopata)


Comentários