Sanduíche (Dieta da)

Perca três quilos num mês, sem qualquer esforço. Saiba como

Se não tem tempo para cozinhar mas está decidida a perder uns quilos, a dieta da sanduíche assenta-lhe como uma luva. É constituída por ementas ligeiras e saudáveis que se confeccionam num instante. E cabem na mala!

As sanduíches representam uma forma rápida e cómoda de comer: podem ser degustadas em qualquer lugar, são fáceis de transportar e saciam o apetite.

Se forem preparadas com ingredientes saudáveis e ligeiros convertem-se numa boa forma de complementar a dieta e numa excelente alternativa para baixar o peso. Apesar da sanduíche ter fama de engordar por o seu ingrediente base ser o pão, na verdade, desde que comido com moderação, aquilo que multiplica o seu aporte calórico é apenas o que lhe pomos lá dentro, nomeadamente enchidos, manteiga e maionese.

O simples facto da Organização Mundial de Saúde recomendar o consumo de 250 g diários de farináceos por pessoa (incluindo o pão), leva a concluir que os problemas atuais de excesso de peso e obesidade não são provocados pelo consumo de pão mas sim pelo abuso de alimentos ricos em gordura. É verdade que este alimento é moderamente energético (100 g de pão fornecem entre 185 a 289 calorias, dependendo da variedade), mas também é muito saciante, fator-chave para evitar os ataques de fome repentinos que comprometem qualquer dieta.

Duas sanduíches por dia


A dieta que aqui lhe propomos está indica­da para pessoas com excesso de peso real e não apenas estético. Inclui duas sanduíches diárias, uma ao almoço outra ao jantar, acompanhadas de sopa e verduras. Destas últimas pode consu­mir a quantidade que quiser.

Como bebida, recomendamos-lhe uma limonada natu­ral que pode ir be­bendo ao longo do dia e que tem um efeito drenante e minerali­zante. Procure beber também bastante água, mas sempre fora das refeições e, se lhe apetecer muito um refrigeran­te, que seja light.

Comentários