Os benefícios do tomate

As propriedades de cada tipo de tomate

As características antioxidantes do tomate têm reflexos positivos na saúde. Esta foi uma das conclusões de um estudo levado a cabo por investigadores da Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário (CESPU).

Durante um mês, alunas do Instituto Politécnico de Saúde do Norte formaram uma amostra aleatória e experimental para a ingestão de um tomate por dia. Resultado? Os níveis de triglicéridos e colesterol baixaram significativamente, apresentando uma correlação proporcional com a diminuição de peso.

De acordo com Ana Vinha, responsável pela investigação, «provou-se a importância da mentalização social, cultural e económica para o aumento do consumo deste fruto, uma vez que a sua composição, rica em agentes antioxidantes, promove o decréscimo de radicais livres no sangue que, em elevadas quantidades, são prejudiciais para a saúde». A ingestão de tomate garante uma acção protectora contra os radicais livres que pode atingir os 70%.

A cada tipo de tomate a sua propriedade

Redondo

É mais rentável para a indústria alimentar na produção de alimentos derivados, como polpas, ketchup ou conservas, pois os seus valores de sólidos solúveis são mais concentrados.

Chucha

É o que apresenta maior riqueza em compostos com acção antioxidante, nomeadamente os compostos fenólicos – ácidos fenólicos e flavonóides e, por isso, com melhores resultados no combate ao envelhecimento celular.

Cereja e Rama

Caracterizam-se como os mais seguros, não tendo apresentado contaminação microbiana de nenhum microrganismo estudado (Escherichia coli, mesófilos, coliformes, bolores e leveduras).


artigo do parceiro:

Comentários