Quanto dura a licença de maternidade em diferentes países

O tempo que podem ficar com os seus bebé é uma das maiores preocupações das mães. Há países com licenças bastante alargadas e outros com licenças muito curtas. Descubra as suas durações nesta viagem cultural.

As diferenças culturais fazem-se sentir a todos os níveis. No que diz respeito à licença de maternidade e ao valor que se recebe pela mesma também. Veja quais as diferentes licenças em vários países do mundo:

Rússia

Licença: 166 semanas (cerca de 3 anos e 3 meses)

Subsídio: 100% do salário durante as primeiras 20 semanas, 40% a partir da semana 21 e té que o bebé completo e 1 ano e meio. O resto não é pago.

Estónia

Licença: 166 semanas (cerca de 3 anos e 3 meses)

Subsídio: 100% do salário durante as primeiras 20 semanas. 21,45% do salário a partir da semana 21.

Uzbequistão

Licença: 166 semanas (cerca de 3 anos e 3 meses)

Subsídio: 100% do salário durante as primeiras 28 semanas. 20% a partir da semana 29 até à semana 104. A partir da semana 105 não é pago.

República Checa

Licença: 110 semanas (cerca de 3 anos)

Subsídio: 70% do salário durante as primeiras 28 semanas. 45% do salário a partir da semana 29.

Noruega

Licença: 61/91 semanas (cerca de 2 anos)

Subsídio: 100% do salário durante 61 semanas ou 80% do salário durante 91 semanas.

Leia também: Dicas para começar a organizar o enxoval do bebé

Comentários