Qual a forma mais tranquila de parar de amamentar?

Aprenda como interromper a amamentação sem traumas para o bebé e sem stress para a mãe.

A amamentação é sem dúvida o melhor que uma mãe pode dar a um filho. Os benefícios físicos e emocionais da amamentação são cientificamente comprovados e a Organização Mundial de Saúde recomenda o aleitamento materno exclusivo até o 6º mês de vida e a continuação da amamentação até aos 2 anos de idade.

Porque parar de amamentar se já está comprovado que a amamentação prolongada protege a mãe do cancro de mama e do ovário, diabetes, osteoporose e doenças cardiovasculares? Porque parar de amamentar se o bebé está a usufruir de uma alimentação rica em nutrientes e que traz proteção contra anemia, infeções, alergias, leucemia, doenças oculares, diabetes, obesidade, doenças inflamatórias e cardíacas? Porque parar de amamentar se está comprovado que o aleitamento materno prolongado fará a sua criança ser mais inteligente e ter mais equilíbrio emocional? Apesar de todos estes benefícios há motivos que levam a mãe a querer parar de amamentar ou a ser obrigada a fazê-lo. Muitos são os motivos:

Trabalho

Pressão social

Necessidade de liberdade

Mitos sobre amamentação

Vergonha / Pudor

Veja algumas sugestões para saber qual a melhor forma de deixar de amamentar sem dramas e decida qual a que se encaixa melhor para si:

Em primeiro lugar deve perceber se o bebé está preparado para isso

O bebé preparado geralmente:

- Tem mais que 1 ano

- Consegue dormir sem peito

- Pouco interesse na mama

- Aceita outros tipos de consolo

- Aceita vários alimentos

- Tem um relacionamento seguro com a mãe

- Sente pouca ansiedade quando não mama

- Prefere brincar ao invés de mamar

- Não aceita mamar em certos locais

Leia sobre: Porque o meu bebé chora tanto à noite?

Comentários