10 tarefas para executar até aos primeiros dias de outono

O tempo quente tem consequências que podem prejudicar as suas plantas. Veja os cuidados a ter durante os meses de calor para as proteger e salvaguardar.

Nos meses de calor, através da água e do substrato, as plantas de exterior em vaso recebem tudo o que necessitam. Por isso, o segredo é que contem sempre com ambos. Regar e renovar a camada superior da terra são, por isso, ações fundamentais a implementar nesta altura. Estão, no entanto, longe de ser as únicas nesta atura. No que se refere às plantas de interior, o reduzido número de exemplares que tem em casa é agora mais exigente do que em outras épocas mas não consome mais tempo de trabalho do que as do jardim.

Para potenciar o seu desenvolvimento, estas são (outras) 10 tarefas a executar até aos primeiros dias de outono:

1. Pulverize folhas e substrato

Com algumas espécies tropicais, como as bromeliáceas por exemplo, é agora necessário um trabalho muito fácil para evitar a falta de turgência e vitalidade. Trata-se de borrifar uma ou duas vezes por dia em redor das plantas pilosas ou nas folhas das espécies não pilosas. Quando estiver com o pulverizador na mão, aproveite para humedecer ligeiramente a superfície do substrato.

2. Promova a ventilação

O calor ou a falta de rega, como é sabido, secam as plantas. Se isso suceder, corte as espécies afetadas para favorecer a ventilação e assegurar novos rebentos nas suas plantas de interior. No caso de folhas pequenas, corte à mão, em caso de folhas grandes, utilize a tesoura de podar.

3. Adube e regue

Os fertilizantes líquidos são os mais fáceis de aplicar. Misturam-se com a água da rega das plantas de interior e aplicam-se de 10 em 10 dias na primavera e no verão. O produto é absorvido quase de imediato pela planta.

4. Mude a terra gasta

Há espécies que conseguem chegar ao estado adulto em vasos pequenos e assim se manterem. No entanto, é conveniente retirar parte da terra que rodeia as raízes e substituir por nova. Qualquer altura é boa para esta operação, exceto quando a planta estiver em flor.

5. Semeie novos exemplares

Comece com as anuais. A partir daí, pode experimentar espécies mais difíceis. A técnica, no entanto, é a mesma. Se necessitar poucas, encha um vaso com substrato e reparta as sementes uniformemente, cobrindo com terra fina. Se, pelo contrário, pretende muitas plantas, faça o mesmo mas numa bandeja de plantação. Regue e tape a sementeira com plástico esburacado.

6. Vigie bem para não ter de curar

Inspecione bem as plantas de exterior em vaso  para detetar a presença de algum sintoma raro. É mais fácil atacar os problemas no início do que quando já vão avançados. As revisões podem ser feitas quando está a executar qualquer outra tarefa, tipo rega ou poda, não exigindo por isso muito tempo extra.

Veja na página seguinte: O que usar para facilitar o escoamento da água de rega

Comentários