Dicas para uma maior poupança

Outubro é o mês da poupança e, por isso, partilhamos algumas dicas para que possa poupar e, assim, garantir a estabilidade financeira da sua família.

- Poupe, mensalmente, 10% do rendimento do agregado familiar. Se não for possível, defina o montante que considera suportável alocar à constituição do seu pé-de-meia e coloque-o de parte todos os meses. Mais vale poupar um valor mais baixo e fazê-lo periodicamente do que poupar um valor superior apenas quando o orçamento permite.

- Considere a poupança como uma conta a pagar, uma obrigatoriedade com data limite para pagamento.

- Dê uma ordem de transferência logo que os vencimentos entram na conta, evitando deixar para o final do mês. Quando se deixa para o fim, a probabilidade de não sobrar nada é muito elevada.

- Coloque o dinheiro numa conta a prazo, sem acesso fácil para evitar levantamentos impulsivos.

- Defina objetivos para a poupança e vá comunicando ao agregado familiar qual o ponto de situação. Esta é uma forma de incentivar todos a poupar.

E, para rentabilizar as suas poupanças, é fundamental que invista o seu dinheiro. Faça uma análise para escolher o melhor produto financeiro para as suas necessidades. Contudo, e por uma questão de segurança, tenha em consideração o nível de risco dos produtos. Os especialistas aconselham não só a diversificar os investimentos, mas também a aplicar a maioria do dinheiro em produtos que tenham o nível de rentabilidade que considera adequado ao seu perfil de investidor.

Por Crédito Agrícola O Crédito Agrícola ganhou o Prémio Cinco Estrelas 2015 na categoria de Atendimento ao Cliente, tendo sido considerado pelos portugueses como realmente muito bom. As classificações mais elevadas foram a Satisfação, a Confiança na Marca e a Recomendação a familiares e amigos.

artigo do parceiro:

Comentários