Qual a importância da alimentação na diabetes?

Em Portugal, 66% dos homens adultos e 57% das mulheres adultas em Portugal têm excesso de peso.
créditos: AFP

Em Portugal e na maioria dos países desenvolvidos, os maus hábitos alimentares são um grande problema. De acordo com um estudo publicado pela PLOS One sobre a prevalência de sobrepeso, obesidade e obesidade abdominal, no final de 2012, 66% dos homens adultos e 57% das mulheres adultas em Portugal têm excesso de peso, sendo que 19% dos homens e 39% das mulheres são já considerados obesos.

Em Portugal, uma em cada três crianças tem excesso de peso ou obesidade infantil. O excesso de peso, maioritariamente provocado por uma alimentação desajustada e falta de prática desportiva, leva ao surgimento de outros problemas, como as doenças cardiovasculares e a diabetes tipo 2.

A prevalência da diabetes em Portugal tem vindo a aumentar, atingindo 12,7% da população, sendo que cerca de 90% destes casos referem-se a diabetes tipo 2, segundo o Relatório do Observatório Nacional da Diabetes de 2012. Ao contrário da diabetes tipo 1, que se trata de uma condição auto-imune e não prevenível, a diabetes tipo 2 pode ser prevenida, ou podemos pelo menos atrasar o seu aparecimento.

Controlo de peso e atividades desportivas

Nesta fase de prevenção primária, procura-se fazer um controlo do peso, sobretudo em pessoas com risco elevado de desenvolver este tipo de diabetes (historial de diabetes tipo 2 na família, excesso de peso, etc.), e promover hábitos desportivos regulares. A Associação de Jovens Diabéticos de Portual (AJDP) promove regularmente ações desportivas e de esclarecimento junto da população escolar, precisamente para contribuir para a prevenção primária.

Após o diagnóstico da diabetes, seja tipo 1 ou tipo 2, parte-se para uma fase de prevenção secundária. O objetivo passa a ser manter a glicemia dentro dos parâmetros normais, para evitar as complicações que surgem quando há descontrolo. Aliada à prática de exercício físico e à medicação, uma alimentação equilibrada é um ponto chave.

Comentários