Certa (Dieta)

O regime alimentar que a vai ajuda a reduzir calorias de acordo com o seu gasto metabólico diário

Trata-se de uma dieta hipocalórica variada que consiste em reduzir as calorias de acordo com o gasto metabólico diário, distribuindo, proporcionalmente, os macro e micronutrientes.

A dieta certa propõe uma ementa que lhe permite emagrecer saboreando pratos apetitosos e simples de preparar para que possa fugir, finalmente, aos tradicionais pratos de dieta como frango grelhado, verduras cozidas, saladas de alface.

Ao incluir refeições que agradam ao paladar, esta dieta evita o aborrecimento e a falta de motivação, responsáveis pelo fracasso da maior parte das dietas de emagrecimento. Para além disso, as ementas foram definidas de forma a cumprirem as recomendações nutricionais mais saudáveis.

Como funciona


A dieta certa consiste em reduzir, de forma moderada, o fornecimento de calorias ingeridas através dos alimentos, tendo em consideração o total de calorias gastas por dia. As ementas diárias proporcionam uma distribuição adequada dos nutrientes, tanto macronutrientes (hidratos de carbono, gorduras e proteínas) como micronutrientes (vitaminas e minerais).

A distribuição das refeições, os horários e a preparação das ementas podem também ser facilmente adaptados às preferências e ao estilo de vida de cada pessoa. Para garantir resultados concretos e saudáveis, esta dieta deve ser individualizada, com a ajuda de um especialista, já que cada pessoa precisa de uma determinada ingestão de alimentos em função do seu gasto de energia.

Para potenciar a sua eficácia no que diz respeito à perda de peso e, sobretudo, para manter o peso perdido, deve ser complementada com uma atividade física moderada, também individualizada. Ao combinar esta dieta com exercício físico, consegue-se modificar os dois lados da balança: a ingestão de calorias (que diminuem) e os gastos calóricos (que aumentam), acelerando a perda de peso.

Que resultados consegue


A dieta certa procura um défice calórico diário de 500 a 1.000 calorias, através do qual se consegue uma perda de peso de um a dois quilos por semana, no início da dieta, e de 0,5 a 1 kg, nas semanas seguintes. Para além disso, o que se perda é gordura, não água nem músculo, ao contrário do que acontece com as dietas milagre que fazem perder muito peso em pouco tempo.

No entanto, os resultados variam de uma pessoa para a outra e estão dependentes de factores como o seguimento rigoroso do plano de refeições, o cumprimento do plano de atividade física ou o historial de dietas de emagrecimento que possa já ter seguido.

Comentários