Vamos às compras?

De Nova Iorque a Paris, passando por Buenos Aires e Jaipur, conheça quais os melhores destinos para esta terapia. Viaje connosco pelos 15 locais onde todas as fashionistas gostam de fazer shopping.

Para combater a saudade de final de verão, não há nada como a excitação de uma nova viagem e de conhecer novos países e culturas ou, como não poderia deixar de ser, as "terapêuticas" sessões de compras. Para nos fazer sonhar um pouco e servir de inspiração para planos futuros, elaborámos uma lista que conjuga o melhor dos dois mundos: viagens e compras. Descubra os 15 melhores destinos, de Nova Iorque e Paris a Buenos Aires e Jaipur.

1. Milão. Cidade natal de grandes nomes como Armani, Missoni, Dolce & Gabbana ou Versace, Milão é uma das mais importantes capitais da moda a nível mundial e oferece alguns dos locais e lojas mais luxuosos para fazer compras. O conhecido Quadrilatero della Moda (ou Quadrilatero d'Oro) é uma paragem obrigatória para quem visita a cidade, proporcionando uma experiência incrível, ainda que um pouco cara, a qualquer turista. Para os amantes de um "bom negócio", que conjuga a qualidade a um preço acessível, Milão é também conhecida pelos seus outlets, como o Il Salvagente. Se procura peças de arte, não deixe escapar as inúmeras galerias na zona Brera.

2. Buenos Aires. A capital das compras da América Latina oferece uma experiência de compras única nas suas largas avenidas. É conhecida sobretudo pelas peças em pele, de elevadíssima qualidade e preços acessíveis, que poderá encontrar por toda a cidade. Não pode deixar de visitar as Galerias Pacifico, localizadas num edifício magnífico inaugurado no ano de 1895, e o Patio Bullrich se procura lojas de designers e produtos de luxo.

3. Seul. A cidade com mais transações com cartões de crédito por pessoa em 2011 oferece uma enorme variedade de lojas num ambiente urbano frenético, iluminado pelos ecrãs gigantes e luzes LED que cobrem os edifícios de armazéns comerciais abertos toda a noite e os mercados de rua. As boutiques locais são a melhor aposta, com peças super chiques e bastante acessíveis, bem como os mercados de artigos em segunda mão, como o Seoul Folk Flea Market , o que mostra que Seul apresenta um equilíbrio cool entre o novo e o antigo.

4. Nova Iorque. A cidade onde ver as montras e compras são experiências únicas por si só reúne marcas e designers de todo o mundo e tem algumas das melhores lojas e mercados de peças vintage, como o showroom Rare Vintage. Além da sua energia única, a Big Apple é sobretudo conhecida pelas grandes galerias comerciais como a Bergdorf Goodman e lojas de luxo na Fifth Avenue. No entanto, bairros como o West Village, Williamsburg e Brooklyn oferecem as propostas de novos designers, criações locais e boutiques com peças originais e super cool.

5. Hong Kong. Hong Kong é considerado a meca das compras para todo o tipo de orçamento. Dos grandes centros comerciais aos mercados de noite, a cidade tem um ritmo enérgico e faz com que se sinta num enorme e moderno centro comercial. Enquanto que na zona Central se localizam as lojas de marcas de luxo, no bairro Tsim Sha Tsui encontrará uma densa concentração de lojas onde poderá comprar sapatos, relógios, roupa, malas de viagem, entre outros muitos tipos de produtos a preços reduzidos.

6. São Francisco. A grande variedade de bairros, cada um com o seu tipo de mercados e produtos, é uma das características de São Francisco: no opulento Westfield Center poderá encontrar dois armazéns comerciais - Bloomingdale's e Nordstrom - bem como seis andares em dois edifícios conjuntos com mais de 200 lojas e restaurantes; no bairro Mission localizam-se lojas de estilo eclético e trendy; e no Union Square poderá ter a experiência típica de turista. Uma coisa é certa, será difícil regressar com a mala de bagagem vazia.

Veja sobre: Este é o seu destino

Comentários